02/08/2018 - Comitê de Implementação do Programa Nacional de Segurança do Paciente se reúne em Belo Horizonte

 A cidade de Belo Horizonte/MG recebe, nos dias 03 e 04 de agosto, o VI Fórum Internacional sobre Segurança do Paciente – Erros de Medicação. O objetivo do evento é fomentar a discussão sobre estratégias para alcançar a meta central do 3º Desafio Global de Segurança do Paciente, estabelecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS): reduzir em 50% os danos graves e evitáveis relacionados à medicação nos próximos 5 anos.

E mesmo antes do início do evento, o tema “Segurança do Paciente” já circulou pelos corredores do Centro de Atividades Didáticas da Universidade Federal de Minas Gerais (CAD/UFMG) na 19ª Reunião Ordinária do Comitê de Implementação do Programa Nacional de Segurança do Paciente (CIPNSP), realizada hoje, dia 02 de agosto.

O CIPNSP é parte do Programa Nacional de Segurança do Paciente, criado pelo Ministério da Saúde, em 2013, para promover e apoiar iniciativas voltadas à segurança do paciente em diferentes áreas da atenção à saúde. Composto por representantes do governo, da sociedade civil, de entidades de classe e universidades, o CIPNSP é uma referência para a tomada de decisão na área e de apoio à implementação do Programa.

Os assessores da presidência do Conselho Federal de Farmácia (CFF), Tarcísio Palhano e Josélia Frade representam a instituição no comitê. Também integram o grupo representantes do Ministério da Saúde: Secretaria-Executiva (SE/MS), Secretaria de Atenção à Saúde (SAS/MS), Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES/MS), Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS/MS) e da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (SCTIE/MS). Além da Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ); da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA); da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS); do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS); do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS); do Conselho Federal de Medicina (CFM); do Conselho Federal de Enfermagem (COFEN); do Conselho Federal de Odontologia (CFO); da Organização Pan Americana de Saúde (OPAS); da Fundação Getúlio Vargas (FGV); do Hospital Sírio Libanês; Hospital Israelita Albert Einstein; da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais; do Conselho Nacional de Saúde; e da Confederação Nacional de Saúde.

Mário Borges, Presidente do ISMP Brasil, um dos realizadores do VI Fórum Internacional sobre Segurança do Paciente, destaca a importância do CIPNSP e do Fórum. “O comitê é um grupo formado por representantes de instituições da área da saúde, com o propósito de promover a segurança do paciente, e o Fórum é uma grande oportunidade deste grupo de representantes dessas instituições de se reunir em debate com inúmeras outras, e incluir cientistas, pesquisadores, professores, estudantes. Todos com a meta de desenvolver ações para reduzir a um mínimo aceitável, o risco de dano desnecessário associado ao cuidado de saúde”, completa

Fonte: Comunicação
Autor: CFF

Fotos Relacionadas